Xinando - Cartoon
Cartoons made in Açores

terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Novo Código de Estrada 2014

O novo Código da Estrada, que entra em vigor já a seguir, parece incidir na comunicação e partilha:
Na comunicação pelo previsível aumento de correspondência entre o Estado e os Cidadãos;
E na ainda maior partilha dos parcos rendimentos com o Estado.

Tenho que pensar bem antes de entrar no carro se posso ser multado só por entrar no meu carro...
Gosto especialmente do limite de 20 km/h para as vias partilhadas entre peões e viaturas. Concordo plenamente com a necessidade de respeito mútuo que deve imperar no dia-a-dia e em tudo, e que a falta de respeito nas estradas costuma saltar bem à vista, e por vezes com consequências irremediáveis. Agora, conduzir uma viatura a 20 km/h? Quando a empurramos, que velocidade atingimos? Se calhar uns 25 km/h.
Será que quem fez esta regra já tentou fazer isto onde quer que seja? O meu carro nem consegue marcar velocidade abaixo disso e manter um carro a uma velocidade destas só deixando deslizar e é se for numa descida.
Tenho por princípio respeitar sempre os limites de velocidade das vias em que circulo, mas a 20 é melhor evitar essas vias, pois além de ser praticamente impossível manter uma velocidade dessas além da distancia necessária para fazer uma manobra de estacionamento, também não me parece sequer que isso seja ecológico!
Agora, numa via mista, é imperativo manter os peões em maior contacto com os gases de escape, quer pelo maior tempo de exposição devido ao maior tempo que o carro leva a passar, quer pela maior concentração de poluentes pelo sobre-esforço da viatura... excelente!
Estas emissões e consumos, conjugados com os aumentos das taxas moderadoras na saúde e com os constantes aumentos dos combustíveis, fazem com que o Orçamento do Estado esteja quase garantido e a austeridade seja cada vez menos necessária... somando umas novas multas, o País vai quase ao sítio!

Cartoon de 31 de Dezembro de 2013

quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

Prendas de Natal

Há entidades mais natalícias que outras... geralmente os silêncios natalícios são mais simpáticos que as lembranças oportunas de alguns...

Cartoon de 25 de Dezembro de 2013

sábado, 21 de dezembro de 2013

O fantasma dos Natais confiscados

Se o Mr. Scrooge tivesse recebido a visita deste fantasma, a história teria um final diferente, pois ele bem que se podia arrepender que nao tinha como remediar o que quer que fosse...

Cartoon de 21 de Dezembro de 2013

terça-feira, 12 de novembro de 2013

Na Tasca 131 - O valor de certas obras

A notícia de que a empresa responsável por um trio de obras abortadas na ilha de São Miguel, o Hotel Casino e o centro comercial na Calheta de Ponta Delgada, e o SPA das Furnas, irá vender estes imóveis/negócios/elefantes brancos por 1 euro é caricata. Ou melhor, seria, se não fosse tão sério. Sim, porque os contornos do negócio são absolutamente estranhos, pois é vendido por esse valor, mas o vendedor ainda fica responsável por pagar as suas dívidas... Ora, se vende os negócios, como paga as dívidas? Se vende negócios destes por 1 euro, não está a vender ao desbarato o que custou milhões?
Não estudei economia ou gestão, por isso não poderei entrar em questões técnicas a este nível... mas quem fez e faz estes negócios estudou alguma coisa?

Cartoon de 12 de Novembro de 2013

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Cãopartimentos

Mesmo que a lei fosse em frente, nada que os tugas não soubessem dar a volta com a imaginação do costume.

Cartoon de 30 de Outubro de 2013

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

É atirar as pistolas à cabeça

Pelo que se diz aí, o Orçamento de Estado não contempla verba para aquisição de balas para a Polícia Judiciária. Suspeito que também poderão faltar pensos para eventuais ferimentos que eles sofram a fazer o seu trabalho, ainda por cima sem munições.
Agora, uma coisa é de génio: já que há insatisfação geral, incluindo nas forças policiais, mais vale retirar-lhes poder de fogo, pois assim o risco para os governantes é só de eventualmente levarem com um revólver na tola, que não deve fazer muita mossa em cabeças duras...

Cartoon de 24 de Outubro de 2013

Na Tasca 130 - Yes, we're hearing

Diz-se por aí que os E.U.A. têm espionado as comunicações de toda a gente, incluindo governantes, como no caso do Governo Brasileiro, Alemão e embaixada Francesa. Parece uma surpresa, não parece? Todos ligados numa rede global, e os serviços de inteligência (nunca percebi muito bem porque se chama isso), melhor, de espionagem, não iam utilizar este recurso...
Mais uma vez, depois de várias declarações públicas geralmente muito infelizes, além de algumas importantes lições de informática dadas há poucos anos pelo nosso Presidente da República, acho que estamos completamente seguros a este nível. Não é que não seja eventualmente demasiado fácil espiar os líderes tugas, é que simplesmente dificilmente ouvirão alguma coisa que se aproveite...

Cartoon de 24 de Outubro de 2013

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Ecos 33 - Os conspurcadores

O apreciar da natureza sempre teve muitas vertentes, pelo que o conceito de natureza diverge muito entre as pessoas. No presente século, apesar da grande evolução em termos de educação e divulgação, envereda-se facilmente pela "criação" de condições de fruição da natureza, com conforto, com estética, etc., nem que para isso a própria natureza se torne num grande incómodo.
Há muitas pessoas que ainda não sabem apreciar convenientemente a natureza, a todos os níveis, e isso reflecte-se na grande pretensão, que se mantém, de domá-la.

Cartoon de 23 de Outubro de 2013

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Na Tasca 129 - Join the club...

Há indignação em Angola sobre situações que se passam em Portugal. Há descontentamento em Angola sobre as acções e atitudes do Estado Português, com insatisfação com o nosso Governo e Presidente da República. Muito disto porque o segredo de justiça não é salvaguardado em Portugal, e ainda mais pelos Angolanos visados nestes casos. Na comunicação social, tem sido dada relevância a editoriais do principal jornal Angolano, completados por declarações do Presidente Angolano.
Cá, muita gente replica que fala o nu do mal vestido, no sentido em que os conceitos de "ter mão na justiça" não são comparáveis entre os dois países. Concordo em geral com essa ideia, mas também é possível ver como, tal como a nossa opinião cá, a opinião vinda de lá não são mais que opiniões marteladas na mentalidade de cada povo pela respectiva comunicação social, e essa, lá como cá, alimenta-se do conflito e do escândalo, em claro detrimento do rigor e mesmo da veracidade de cada informação.

Podem ter todos razão e razões. Agora, passar à nossa frente na fila das reclamações é que não, que já estamos há espera nela há alguns anos, ora essa!

Cartoon de 22 de Outubro de 2013

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Os EnRASCAdos 50

Quantas vezes vos pediram o papel que comprova que foi emitido o documento que atesta que a documentação necessária foi emitida nos termos do atestado que era necessário, bem como o comprovativo da aprovação da minuta do canhoto do duplicado do impresso ABC3127b, em conformidade com o modelo 124XY, que deveriam ter sido emitidos na ordem certa, sob pena de perderem todos os vossos direitos se não cumprirem o prazo de 3 dias para apresentar esta resma de papel que leva 2 semanas a obter, e que ainda por cima não costumam ficar bem feitos À primeira?
Assim tantas? Não acredito...

Cartoon de 21 de Outubro de 2013

sábado, 12 de outubro de 2013

Na Tasca 128 - Corrupção? É pagar para ver

Nada como um lugar no pódio, sempre os maiores em alguma coisa relevante...

Cartoon de 12 de Outubro de 2013

terça-feira, 8 de outubro de 2013

Há um ano atrás, ao participar numa Oficina de BD, Ilustração e Argumento, na Biblioteca Pública e Arquivo Regional de Ponta Delgada (com João Paulo Cotrim e Alex Gozblau), surgiu o desafio de criar um projecto de uma história de banda desenhada.
Enchi uma página de bloco com uma sequência do que poderia vir a ser uma história. Na época, estava fresca a campanha SOS Cagarro, pelo que o inconsciente e o consciente me fizeram "voar" para esse tema.
Fiz uma primeira imagem durante o workshop, e depois a história foi crescendo muito lentamente, se calhar porque não era altura de nascerem cagarros... Durante o verão, porque os ninhos já estavam ocupados por crias e dos ovos sobravam apenas as cascas, comecei a acelerar e a desenhar a história com mais intensidade. Nas últimas semanas, foi pensar que já era altura de voar, e que o voo só seria bem sucedido neste início de Outono, pois há que voar para Sul enquanto é tempo, e consegui desenhar a metade final.
Surgiu a oportunidade de apresentar esta história na abertura da campanha SOS Cagarro de 2013 em São Miguel, em colaboração com o Parque Natural da Ilha de São Miguel, e é isso que irá acontecer no dia 15 de Outubro, pelas 20:30, no Teatro Ribeiragrandense.
Tenho a agradecer à Rita, que viu este cagarro crescer, e ajudou a alimentá-lo algumas vezes. Agradeço também ao Paulo Garcia, pelo "empurrãozinho" na beira da falésia que separa o "ninho" desta história e o "voo" com escala no Teatro Ribeiragrandense.
Por agora, a história vai ser descortinada... no futuro, talvez se materialize num livro.

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Na Tasca 127 - Experiências falhadas

Tirar o pé do acelerador da austeridade? Depois do atropelamento consumado?

Cartoon de 18 de Setembro de 2013

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Na Tasca 126 - Cortar, cortar, cortar

Reformas da função pública, em nome da justiça... e dos cargos governativos e de deputado? Ficam, em nome da injustiça?

Cartoon de 12 de Setembro de 2013

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Na Tasca 125 - E tempo para governar?

A comunicação social "bombardeia-nos" diariamente com declarações de governantes, proferidas geralmente à entrada ou saída dos milhares de acontecimentos onde metem os pés. Fora algumas reuniões de trabalho, muitas são as situações que nada têm a ver com a governação, como determinadas inaugurações, celebrações, seminários, e outros que tais. Quando acaba esta correria, eis que vem cá de visita um chefe de estado estrangeiro, ou então há que ir responder a perguntas (muitas delas cretinas) dos senhores deputados à Assembleia da República.
A presença dos governantes/representantes do governo pode ser importante em algumas ocasiões, mas a presença de membros do governo, diariamente, em múltiplos eventos, a toda a hora, leva-me a pensar se os problemas do país não têm a ver com uma característica comum por cá: o absentismo.
Fala-se muito em combater o absentismo escolar, que limita a aprendizagem, e o absentismo laboral, que limita a produtividade. Agora, ninguém vê o absentismo governamental?
Se não páram de circular por aqui e por ali, como governam? No carro, entre destinos? É esse o grande esforço que é preciso fazer? Mede-se o esforço em quilómetros, ou em minutos a responder à comunicação social? É preciso instalar gabinetes de ministros, se mal os usam? Desculpem-me a ignorância, mas a melhor capacidade de gestão implica TEMPO para gerir, inteirar-se realmente dos dossiers, dedicar tempo a resolvê-los... tanto mediatismo e declarações avulsas entre portas só levam a concluir que tudo é feito pela rama e sem critério.

Cartoon de 11 de Setembro de 2013

terça-feira, 3 de setembro de 2013

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

MonoCultura 82 - As pirâmides do Pico

Sucedem-se as descobertas arqueológicas nos Açores, com novas teorias sobre a ocupação do arquipélago. Difíceis de provar, podem tornar-se opções turísticas interessantes.
Tenho algumas dúvidas sobre estas teorias das pirâmides, lembrando que o meu avô me disse há alguns anos atrás que ele próprio tinha feito maroiços, e tendo em conta que toda a paisagem da vinha assenta na redistribuição das pedras para permitir a sua cultura e protecção. Ainda por cima, no caso de outras culturas que precisam essencialmente de terra, o acumular de pedra resultaria, talvez... num maroiço.

Cartoon de 02 de Setembro de 2013

domingo, 1 de setembro de 2013

Na Tasca 124 - Programa eleitoral?

Querer ser presidente de câmara ou junta de freguesia parece ser, na maioria das vezes, pura ambição e nada de vocação. Começa o mês da demagogia, do dar graxa, da simpatia enlatada, e de muitas falsas promessas, devidamente intercaladas por algumas promessas cujo conteúdo é unicamente boa vontade e total falta de enquadramento e capacidade de executar e cumprir.
Tudo isto será devidamente decorado com a corrupção endémica, além da falta de carácter e de vergonha perante alguns vastíssimos cadastros morais e criminais.
Boa sorte para todos nós...
Cartoon de 01 de Setembro de 2013

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Na Tasca 123 - Trabalhar bêbado? Porque não?

“Note-se que, com álcool, o trabalhador pode esquecer as agruras da vida e empenhar-se muito mais a lançar frigoríficos sobre camiões, e por isso, na alegria da imensa diversidade da vida, o público servido até pode achar que aquele trabalhador alegre é muito produtivo e um excelente e rápido removedor de electrodomésticos.” (in Jornal Público).

Sentença produtiva esta... alegre até!

E se o visado fosse ao tribunal com 2,3 gramas de álcool por litro de sangue? Estaria em precaução pelas agruras da vida e preparado para aceitar a justiça com alegria, ou estaria em desrespeito pelo tribunal?
Cartoon de 01 de Agosto de 2013

sexta-feira, 26 de julho de 2013

Na Tasca 122 - Dados protegidos...

Sinto necessidade de agradecer aos sucessivos governantes portugueses por terem criado o maior escudo de segurança que nós poderíamos ter relativamente à ciberguerra: a nossa tecno-info-exclusão!
Se o antigo bilhete de identidade era o BI, o novo cartão do cidadão é o CC (o antigo cartão de contribuinte também), o cartão de utente é o...
É que é mesmo!
Quando fiz este bendito cartão, já começou mal, pois recusei-me a assinar o requerimento por ter um dado errado: a data de nascimento. Perante isso, fizeram-me novo requerimento, com a data certa, o qual assinei. Ora, recebi um cartão ao fim de uns tempos, com a data que estava no requerimento que recusei assinar...
Tempos depois, alterei a minha morada e corrigi-a nos meus documentos, incluindo o cartão do utente, num posto da RIAC, como fiz para toda a minha documentação. Além disso, fiz a correspondente inscrição no centro de saúde que serve a minha morada atual. Bem, fiz tudo, não preciso me preocupar mais. Errado!
Infelizmente, desde essa alteração há cerca de 2 anos, já passei por serviços de urgência num hospital e em dois centros de saúde. Em todos eles, ao usarem o meu número de utente (NU...), é "repescada" a morada antiga... quando digo que está mal, dizem que eu tenho que ir ao meu novo centro de saúde. Quando digo que já fui, não têm mais nada para me dizer... É um caos! Peço para corrigirem, o que não é possível nos serviços de urgência. Volto ao centro de saúde para corrigir, corrigem-me os dados e fica tudo ok... até voltar a uma urgência ao mesmo centro de saúde e voltou tudo à estaca zero!
Isto é sempre assim com este cartão, o do utente! Quase é pior este passo que a própria urgência!

Agora imaginem a confusão que é quando temos um imóvel com uma morada registada na conservatória, transmitida às finanças, condomínio registado com essa morada, e a autarquia resolve mudar o nome da rua, e paga tu se quiseres todas as despesas para corrigir! Sim, a casa acaba por ter umas 3 moradas distintas, dependendo da entidade.
Outra: quando pedimos uma factura e apanhamos daquelas empresas e entidades públicas que têm os códigos postais pré-inseridos, o sistema não aceita muitas vezes a morada que damos (a nossa, a real, por sinal). Resultado: quem preenche acaba por improvisar e usa o dado pré-preenchido mais parecido ou mais próximo, que pode ser o código postal da rua ao lado, ou mesmo da freguesia mais próxima! (desculpe lá, mas o sistema não aceita...).

Portanto, há gente para aí a pensar que os americanos sabem tudo sobre todos, com aquela coisa do PRISM, que espiava os computadores e comunicações, e sabe-se lá com quantos mais programas secretos do género, mas não há razões para esse medo.
Se eu for ver bem os dados que há para aí sobre mim, e as suas incoerências mesmo quando me esforço para corrigi-las, parece-me que se nem eu fico bem com a certeza de onde moro ou sequer de quem sou eu, como é que eles hão-de saber?
A falta de rigor tuga é, na realidade, uma das mais sofisticadas armas tecnológicas (ou anti-tecnológicas) que conheço...

Cartoon de 26 de Julho de 2013

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Na Tasca 121 - SLN BPN SLN BPN SLN BPN...

País de gentinha indignada por tudo e por nada! Agora acham que foi omissão do currículo a passagem de mais um ministro pela SLN?
Ora essa, isso não é currículo, é mais cadastro... e requisito valorizado nas provas de selecção.

Cartoon de 24 de Julho de 2013

domingo, 7 de julho de 2013

sábado, 6 de julho de 2013

segunda-feira, 1 de julho de 2013

Na Tasca 119 - Adeus Vítor

Vítor Gaspar, possivelmente com o subsídio de férias acabadinho de receber, decidiu ir de férias.
Considerando a evolução da governação em Portugal, é caso para pensar se ainda vamos ter saudades deste ex-Ministro das Finanças, tendo em conta que cada novo governante que chega faz sentir saudades dos que já saíram, valorizando-os e muito...

Cartoon de 01 de Julho de 2013

quinta-feira, 27 de junho de 2013

É preciso colar um autocolante?

Se eu chegar ao pé do carro de alguém e mexer no carro, sou capaz de ouvir o dono irritado e com razão. Se eu fizer isso no carro de alguma empresa, se calhar ainda chamam a polícia.
Mas mexerem no meu carro para pôr papelinhos no pára-brisas, preso no limpa-pingas, isso já pode ser! Eu que tire se quiser e ponha no lixo e é esperar que não tenha chovido, senão desfaz-se o papel, espalha-se a tinta e é ter que lavar a porcaria que fica feita! Já vi o cúmulo de usarem autocolantes no vidro do carro.  Se eu fizesse isso a alguém era vandalismo. Sim, porque até agora ninguém se lembrou de pôr lá escovas novas, só lixo.
Um destes dias guardo o papelinho, vou à empresa publicitada e começo a mexer na caixa registadora, para enfiar lá o papelinho, a ver se gostam ou aceitam...

Cartoon de 27 de Junho de 2013

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Update update update update update...

Já vai em 19 actualizações do Windows nos últimos 4 arranques do meu computador ("meu" não me soa nada bem, por sinal). Além de dificultarem o uso, o que fez com que o software de desenho que uso tenha bloqueado várias vezes enquanto desenhava, impedem que se desligue o computador quando e onde se quer! (não desligue o seu computador é o que mais tenho lido, seguido de muitos minutos a encerrar... felizmente em nenhuma destas ocasiões estava a embarcar em algum avião!).
A probabilidade de um utilizador do Windows fazer algum dano no seu sistema operativo e documentos é cada vez menor, pois com sorte temos 10 a 15% de recursos disponíveis para nós. O resto do tempo são dedicados às sanguessugas do sistema, começando pelo Windows, que actualizam tudo e mais alguma coisa assim que detectam ligação à internet, e cuja actividade tem prioridade sobre a utilização do dono do computador. Sim, sei que é possível desligar actualizações automáticas, bastava que o tempo que o sistema me deixa usar o computador fosse unicamente para a sua manutenção.

Cartoon de 26 de junho de 2013

terça-feira, 18 de junho de 2013

Os EnRASCAdos vão estar presentes no Azores Fringe Festival


Os EnRASCAdos já estão instalados para o Azores Fringe Festival, em Ponta Delgada.

http://www.azoresfringe.com/

Estarão na exposição permanente em Ponta Delgada, de 19 a 28 de Junho de 2013 no Ateneu Criativo (instalações do antigo Ateneu Comercial de Ponta Delgada) numa exposição conjunta de artistas açorianos, com fotografias, pinturas e cartoons que poderá ser visitada durante todos aqueles dias, das 15h às 19h nos dias úteis e ao longo de todo o dia no dia 22 de Junho. A exposição estará fechada no Domingo, dia 23 de Junho.

Programa disponível em:
http://patriciacarreiro.blogspot.pt/2013/06/programa-do-azores-fringe-festival-em.html


Desde já, agradeço ao Luís Cardoso e à Patrícia Carreiro por esta oportunidade de estar presente neste festival.

terça-feira, 11 de junho de 2013

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Na Tasca 117 - Sai do banco que eu sou o campeão

Bi-campeões despedem o treinador... parece que não precisaram dele para ganhar. Afinal, o Paulo Fonseca foi campeão já este ano, pois acabou a época no banco do FC Porto, dois minutos em funções e campeão é record absoluto! O Vítor Pereira há-de recordar o abraço de Paulo Fonseca, com sabor a beijo... de Judas.
Outros fizeram a vénia em outras épocas, perdendo clamorosamente com o FCP, sem darem qualquer luta,  quando davam espectáculo contra todos os outros. Mas não conseguiram o lugar. Será que o presidente está a perder qualidades? Se calhar não, afinal o Jorge Jesus não foi contratado, e fica onde lhe dá mais jeito...

Cartoon de 06 de Junho de 2013

quarta-feira, 29 de maio de 2013

À fila 03 - Dizem que o poder corrompe...

Entre os imunes e os impunes, cria-se uma nuvem negra que dificilmente deixa vislumbrar os que eventualmente não encaixem neste grupo. Aos que se sintam envolvidos injustamente neste negrume, que tal empurrarem com vontade o lixo porta fora?

Cartoon de 28 de Maio de 2013

terça-feira, 28 de maio de 2013

Na Tasca 116 - Cala-te povo!

Ultimamente, muitos acontecimentos têm sido interrompidos por canções, gargalhadas e gritos de revolta, em muitos locais e frequentemente na Assembleia da República. Percebo claramente que não se consiga debater nada de útil com interrupções constantes, mas a verdade é que esses protestos continuam a parecer incidentes trans-fronteiriços, uma vez que nas galerias estão Portugueses, mas no hemiciclo parecem estar seres de outro país ou mesmo de outro planeta.
Sim, votamos e votámos neles.
Não, não tem sido possível escolher outros...

Cartoon de 28 de Maio de 2013

segunda-feira, 20 de maio de 2013

Na Tasca 115 - Imposto Monetário sobre a Inveja

Mantenho o que sempre disse sobre o IMI: é o imposto da inveja, pois se alguém trabalha honestamente para comprar e pagar uma casa, o que tem custos que se dividem pela sociedade em contas regulares de consumos domésticos e em aquisições de mobiliário, serviços de manutenção, etc., não faz sentido ao estado ir exigir fortunas anualmente só porque a pessoa tem uma casa. Mais uma vez, uma coisa é cortar uma fracção do ordenado e, ao receber menos vive-se com o resultado do ordenado bruto, outra é exigir que se retire dinheiro (e muito) do que não é dinheiro.
Não é à toa que se chama "imóvel" a uma casa, e uma casa é um bloco único, não é construído com pilhas de notas ou moedas, que se possa retirar uma parte de uma parede para entregar às finanças. Quando é que alguns "cabeças de bloco" vão perceber isso?
Aumentar o IMI é provar que se consegue ser ainda mais sádico do que se tem sido. Faz lembrar aqueles filmes sobre a máfia, em que o negócio dos sonhos de alguém está a correr bem e de repente entra-lhe um mafioso porta dentro e exige que lhe paguem todos os dias, senão parte tudo!

Cartoon de 20 de Maio de 2013

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Até ao lavar dos cestos...

Foi uma grande final, quer em exibição, quer na emoção. Faltou marcar mais que o Chelsea, e as hesitações em rematar pagam-se caro (o limite da posse de bola é deixá-la para ela entrar na baliza...), mas estão de parabéns pois foram um digno vencido. Nestas competições, só um ganha, e só mais um chega à final.
Além da emoção de chegarem à final, a luta pelo título foi até à última jornada e a exibição ontem foi espetacular, principalmente na primeira parte, e especialmente de Matic, Enzo Pérez e Garay, pelo que fica essa satisfação.
Parabéns aos adeptos, do Benfica e não só, que foram esperar a equipa ao aeroporto para os apoiar, pois nestas situações é frequente ser para contestar e até com recurso a violência verbal e física.
Parabéns também ao Chelsea, pois também fez história, ao deter por uma semana as duas taças, e ao Fernando Torres, porque de momento detém 4 títulos internacionais em vigor.

Perder duas vezes na mesma semana da mesma forma também ficará para a história... amarga para os benfiquistas. Mas ainda seria mais inesquecível se o Paços de Ferreira "roubasse" pontos ao Porto nos descontos... embora nesse caso o Benfica fosse bem capaz de deixar fugir uma vitória nesse período.
Luisão disse ontem que ainda faltava jogar 90 minutos... NOVENTA! Será que ele ainda não se apercebeu que podem ser 91, 92, 93, 94 ou mais?.. era bom que já tivesse aprendido...

Cartoon de 16 de Maio de 2013

quarta-feira, 15 de maio de 2013

Uma maçã, duas maçãs...

O Senhor Presidente recomenda vivamente que os Portugueses comam duas a três maçãs por dia, como ele faz, para consumir toda a produção nacional.
Bom conselho para a classe política e não só... se fosse para comer bananas e nabos podia ser considerado canibalismo...

Cartoon de 15 de Maio de 2013

sábado, 4 de maio de 2013

Na Tasca 114 - Ainda mais cortes

Ao dizerem que vão cortar mais em reformados+pensionistas+funcionários públicos+excedentários, quer dizer que é desta que chegam à Assembleia da República? É que poucos além de muitos do que lá estão conseguem cumprir todas estas condições.

Cartoon de 04 de Maio de 2013

domingo, 28 de abril de 2013

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Presidente no exílio

Presidir uma câmara a partir da prisão deverá passar a ser possível... melhor que Fátima Felgueiras que não o conseguiu a partir do Brasil.
Os ofícios assinados devem voltar ao expediente no táxi de algum sobrinho.

Cartoon de 26 de Abril de 2013

quinta-feira, 25 de abril de 2013

Na Tasca 113 - 25 Abril


O 25 de Abril é identificado como a revolução dos cravos, na qual se obteve a libertação de um regime mau em termos de liberdade individual. Anos depois (demasiados), vê-se que a revolução dos cravos, além da necessária e obtida melhoria para a população em geral, também serviu para "abril" janelas de oportunidades a oportunistas, que assim ganharam poder político e, à custa dele, poder económico.
Estamos cheios de "cravas" que vão por aí passeando descaradamente pelos corredores do poder, subjugando os portugueses, a sua política, a sua economia e rindo da sua justiça. E não é por ontem ter havido uma prisão mediática que parece que hoje, 25 de abril, há mais um bocadinho de justiça que ontem.
Até se virmos os últimos tempos em termos de prisões em casos mediáticos, começo a pensar se está a ser feita justiça, ou se alguns dos recentes presos famosos apenas se aperceberam antes de nós que lá dentro se vive melhor que cá fora...

Cartoon de 25 de Abril de 2013

quarta-feira, 24 de abril de 2013

sábado, 20 de abril de 2013

A máquina

Podem dizer que há ciência económica por detrás disto (com ou sem erros de Excel), mas parece mais a lotaria e tem saído cada jackpot...

Cartoon de 20 de Abril de 2013